Sport vence, mas Ponte Preta consegue gol importante pela Copa Sul-Americana

Ajustar Comente Impressão

Depois de um cruzamento na área, Aranha fez grande defesa em cabeceio de Diego Souza. Depois do intervalo, ele ampliou a vantagem em cobrança de pênalti. Na volta, Kleina colocou Renato Cajá no lugar de Elton. E, quanto tinha que marcar, sofria para segurar as descidas pela esquerda, nas costas do Nino Paraíba. Ainda assim, a primeira boa oportunidade foi do Sport, já que André lançou Diego Souza em profundidade, contudo Aranha saiu bem e evitou.

Visando se reabilitar com a torcida, por estar em má fase, o Sport foi a campo motivado e indo para cima desde o primeiro minuto de partida. Raul Prata tentou cruzar na pequena área e a marcação interveio. Pouco tempo depois, em novo contra-ataque, Patrick bateu frente a frente com Aranha e bateu por baixo do goleiro, mas Nino salvou em cima da linha. Logo depois, Rithely arrematou à distância, contou com desvio em Luan Peres e foi na trave direita. O mesmo Raul teve a chance de voltar a mandar na área e André apareceu sozinho e apenas empurrou para dentro do barbante, assegurando o reencontro com as vitórias.

No Sport, o técnico Vanderlei Luxemburgo vive seu pior momento no clube. Com 37 minutos, Claudinho puxou o contra-ataque e lançou Felipe Saraiva, que tocou de primeira e diminuiu a vantagem pernambucana.

O vencedor deste duelo enfrentará nas quartas de final, Cerro Porteño ou Junior Barraquilla, que empataram o primeiro duelo em 0 a 0, na noite de ontem (12).

No sábado, a Ponte Preta receberá o Atlético-GO no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, às 21h. A Macaca enfrenta a Chapecoense, fora de casa, domingo, às 16h.

SPORT: Magrão; Raul Prata, Ronaldo Alves, Durval e Sander; Patrick, Rithely e Diego Souza; Lenis (Rogério, aos 22/2ºT), Mena e André (Anselmo, aos 43/2ºT). Em nova cobrança de escanteio, Mena mandou com perfeição e dessa vez Rithely não titubeou.

CARTÕES AMARELOS - Durval, Sander e Diego Souza (Sport); Nino Paraíba, Fernando Bob e Danilo Barcelos (Ponte Preta).

PONTE PRETA - Aranha; Nino Paraíba (Claudinho), Marllon, Luan Peres e Danilo Barcelos; Naldo, Fernando Bob e Elton (Renato Cajá); Felipe Saraiva, Lucca (Jeferson) e Léo Gamalho. Os mandantes pressionaram o máximo que puderam, contudo não foram efetivos o suficiente para alcançar o segundo tento e ampliar o placar diante dos torcedores.

LOCAL - Estádio da Ilha do Retiro, em Recife (PE).

Comentários