Salário Mínimo 2018 - Valor

Ajustar Comente Impressão

Com a cifra divulgada, o governo espera deixar de gastar R$ 3,3 bilhões.

O reajuste terá um acréscimo de R$ 17,00, que representa 1,81% em relação ao salário mínimo em vigor, que atualmente está em R$ 937.

O decreto foi assinado pelo presidente da República, Michel Temer, nesta sexta-feira (29), e deve ser publicado em edição extra do Diário Oficial da União.

Cerca de 45 milhões de pessoas no Brasil recebem salário mínimo, entre aposentados e pensionistas, cujos benefícios são, ao menos em parte, pagos pelo governo federal. Como o resultado do PIB de 2016 foi negativo, o reajuste do salário mínimo é feito apenas pela variação do INPC.

O reajuste do salário mínimo é definido através de um cálculo que soma a variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do ano anterior, que é calculado pelo IBGE, e o resultado do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos antes. No entanto, até novembro, o valor acumulado do ano está em 1,8%, exatamente o reajuste do mínimo previsto no decreto presidencial. Portanto, será a inflação do ano de 2017 o fator determinante no cálculo do salário mínimo de 2018.

Neste caso, portanto, o 1,81% de variação do INPC é uma estimativa do governo, já que o percentual exato só será conhecido em janeiro.

O governo previu em seus parâmetros que o INPC encerraria 2017 com um crescimento de 3,1%.

Comentários