Incêndio de grandes dimensões perto da Gare do Oriente

Ajustar Comente Impressão

Um incêndio urbano está a consumir um "edifício comercial", desde as 18h15, na Avenida de Berlim, em Lisboa, disse à agência Lusa fonte do Regimento de Sapadores Bombeiros (RSB) de Lisboa.

No local estão ainda dezenas operacionais a combater as chamas.

Fonte do Comando Metropolitano de Lisboa da PSP indicou "tratar-se de um incêndio de grandes dimensões que consome um armazém de produtos chineses".

No local estão 36 operacionais, apoiados por 14 viaturas, a combater as chamas.

Segundo a fonte do Regimento de Sapadores Bombeiros (RSB) de Lisboa, pelas 01:00, o "rescaldo já estava efetuado", mas os bombeiros permanecem no local "em vigilância".

Incêndio de grandes dimensões perto da Gare do Oriente

Este responsável referiu que foi "aconselhado" aos moradores dos edifícios nas proximidades da loja que saíssem das suas habitações e que fechassem as janelas, devido à intensa nuvem de fumo, que, pelas 20:15, ainda se verificava no local.

O alerta foi dado aos bombeiros pelas 18h11 e o armazém que ardeu fica perto da Gare do Oriente.

Duas pessoas foram assistidas por profissionais do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) na sequência da inalação de fumo, explicou a Protecção Civil.

Na sequência desse curto-circuito, o fogo terá alastrado graças à abundância de "material inflamável e têxtil", acrescentou a autarca, citada pela Lusa.

Rute Lima, falava no local do incêndio, na Avenida de Berlim, nos Olivais, em Lisboa, após ter recolhido informações junto da "Proteção Civil".

Comentários