Para Messi, ida de Neymar ao Real seria 'um duro golpe'

Ajustar Comente Impressão

Além disso, reconheceu que uma possível transferência de Neymar, seu ex-colega de Barcelona, para o grande rival Real Madrid seria "uma lástima". Da maneira como ele se foi daqui, ganhando títulos importantes, como a Champions, o Campeonato Espanhol.

- O Neymar ir para o Real Madrid será um golpe duro para todos nós. "Em nível futebolístico, deixaria o Real ainda mais forte do que já é", declarou Messi, em longa entrevista ao canal argentino TyC Sports. Atualmente no Paris Saint-Germain, para onde saiu depois de três anos no Barça, Neymar vem sendo especulado como possível reforço do Real, embora ainda tenha contrato em vigor com o clube francês.

- Ele já sabe o que penso - afirmou.

O argentino também disse que mantém contato constantemente com Neymar, mesmo após a ida do brasileiro para o PSG.

E, claro, sobre a Copa do Mundo da Rússia, que deve ser o seu último mundial. Não me interesssa ser o melhor da história, nunca me propus a isso.

Por outro lado, muitos se preocupam em como Neymar estará no Mundial. E avisou que a seleção não tem obrigação de ser campeã. Não temos nenhuma obrigação com ninguém. O fato de termos disputado três finais, sem sucesso, é um peso que carregamos conosco. "Quero ganhar, é o que todos queremos", acrescentou o astro argentino.

Durante a entrevista, Messi elogiou o elenco comandado pelo francês Zinedine Zidane, mas aproveitou para dar uma leva 'alfinetada' na equipe, repetindo algo que já é tradicionalmente dito há alguns anos pelos torcedores catalães: que na Espanha, o Real joga feio, mas conquista títulos, e que o Barcelona, por sua vez, precisa fazer muito melhor para conseguir o mesmo.

Na avaliação do argentino, o principal favorito ao título na Rússia é o Brasil. "Eu quero ser campeão todos os anos, quero ganhar coisas coletivas todos os anos", declarou.

Comentários