Vitor Belfort anuncia a sua aposentadoria do UFC

Ajustar Comente Impressão

Entretanto, o que se viu foi a reprise de um dos capítulos - negativos - mais marcantes da carreira do "Fenômeno": a derrota para Anderson Silva, em 2011, com um famoso chute frontal aplicado por Spider. Já Belfort agradeceu a todos os brasileiros pela torcida e pelo apoio durante a sua carreira. Agradeço pelo carinho. Enquanto as entrevistas aconteciam no centro do octógono, no telão, surgia a imagem do pai de Lyoto Machida e mestre de caratê, Yoshizo Machida, na plateia, dando um abraço em Jovita Belfort, mãe do carioca, em atitude nobre e respeitosa.

Algoz de Vitor Belfort e Michael Bisping, o americano passou por sufoco no primeiro round mas conseguiu sobreviver às tentativas de finalização de Jacaré. "Não podemos dizer que um é melhor do que o outro. Hoje eu fui melhor do que ele e conquistei essa vitória", completou. Tudo na vida tem um começo, meio e fim. Aos 41 anos, ele deixa o MMA anotando 26 vitórias e com dois cinturões do UFC, dos pesados e dos meio-pesados. "E agora é hora de cuidar da minha família", disse.

A tensão era evidente - prova disso é que, após um minuto, apenas um chute tímido de Lyoto Machida foi desferido. Vitor Belfort ameaçava partir para cima do compatriota, mas se mostrava cauteloso, ciente do poderoso contra-ataque do rival. Mas a mídia não é boba, a matéria de abre do evento de hoje nos principais jornais é a despedida de Belfort, o Canal Combate detentor dos direitos de venda do evento usou a imagem da luta de Vitor X Lyoto para atrair os clientes. Antes, porém ele foi nocauteado pelo baiano Lyoto Machida em luta histórica na Jeunesse Arena, na Barra da Tijuca.

Comentários