Corinthians já trabalha com a hipótese de perder Carille

Ajustar Comente Impressão

O técnico Fábio Carille teria recebido uma proposta apontada como "irrecusável", de quase R$ 13 milhões por ano, livre de impostos, do Al-Hilal, da Arábia Saudita, e está perto de deixar o Timão, de acordo com o Uol Esporte. Na oportunidade, o comandante alvinegro escalou a mesma equipe para encarar o São Paulo, duas vezes, pela semifinal do Paulistão, o Internacional, pela Copa do Brasil, e a Ponte Preta, pela grande final estadual. O time venezuelano, porém, protagonizou a maior zebra da atual edição ao vencer Independiente-ARG e Millonarios-COL diante dos seus torcedores.

"As equipes que vieram aqui sofreram um pouco, principalmente aquelas que tentaram sair jogando". Para isso, basta vencer o Deportivo Lara na Venezuela - os corintianos, assim, chegariam a dez pontos na tabela e não seriam superados por dois adversários.

Ao todo, em quatro Copas SP pelo clube alvinegro (2014, 2015, 2016 e 2017), foram 33 partidas, sendo 30 vitórias, um empate e uma derrota.

"É um campo mais fofo, com algumas falhas".

Na véspera do quinto duelo na Libertadores, Carille ressaltou que o Deportivo Lara adotou uma postura diferente atuando em casa. Após o jogo com o Deportivo Lara, o Corinthians vai direto para Recife, onde enfrentará o Sport, no domingo, pelo Campeonato Brasileiro. Mas a gente já tinha observado isso pelos vídeos, então já fomos preparando nossos jogadores para não jogar bonito toda hora”, avisou Carille. O duelo será no estádio Metropolitano de Lara, em Cabudare, que receberá o Timão pela primeira vez desde que foi inaugurado, em 2007, para ser um dos palcos da Copa América.

DEPORTIVO LARA: Luis Curiel; Daniel Carrillo, David Mendoza e Ignacio Anzola; Ely Valderrey, Giacomo Di Giorgi, Ricardo Andreutti, Herbert Soto e Carlos Sierra; José Reyes e Jesús Hernández.

Caso opte por Cássio; Mantuan, Balbuena, Henrique e Sidcley; Gabriel e Maycon; Pedrinho, Jadson, Rodriguinho e Romero, Carille vai repetir o que aconteceu apenas uma vez em toda sua trajetória no clube.

Comentários